D72_6548 D72_6604 D72_6614 D72_6663 D72_6704 D72_6720 D72_6755 Social media
<
>

Juniores empatam no último jogo em casa da época

Numa tarde nublada em Vila do Conde, o Rio Ave FC recebeu o Vitória SC e empatou a duas bolas, num jogo onde houve três expulsões e muita raça até ao final.

O Rio Ave FC entrou forte na partida e desde cedo começou a criar perigo na baliza vimaranense. Ao minuto 12, a formação verde e branca chega mesmo ao golo por intermédio de Diogo Teixeira, após um erro do guarda-redes do Vitória SC.

Em desvantagem no marcador o Vitória SC reagiu e chegou ao empate por Miguel Reisinho. Quando já se esperava pelo intervalo, Ricardinho, através de um bom lance atacante da formação do Rio Ave FC, marca um golaço e coloca a equipa da casa em vantagem ao intervalo.

Na segunda parte as duas equipas continuaram a procurar a baliza adversária e ao minutos 66 da partida, depois de um arranque do avançado vimaranense, Kalechi faz falta perto da sua área e o árbitro da partida entendeu que o central rioavista deveria ser expulso. Dez minutos depois, Carlos Alves sai da sua baliza e disputa uma bola no ar com o avançado do Vitória SC. Jogada semelhante ao que o guada-redes do Vitória SC, Daniel Figueira, disputou na primeira parte e viu amarelo, mas no caso de Carlos Alves o árbitro da partida mostrou cartão vermelho direto. Na sequência da jogada, o Vitória SC chega ao empate após livre cobrado por Miguel Reisinho, que assim bisou na partida.

Antes de terminar a partida, mais uma expulsão, desta vez do lado do Vitória SC. Jorge Sampaio é expulso por palavras dirigidas ao árbitro assistente.

Na próxima jornada o Rio Ave FC termina o campeonato em Coimbra, frente à Académica.